Terça-feira, 9 de Fevereiro de 2010

Parece Que Se Volta A Sonhar

 

Lá fora a chuva cai e as nuvens teimam em esconder o sol que faz força para aparecer. Os meus dias têm andado tudo menos chuvosos, antes pelo contrário. O sorriso agora tem lugar assíduo nos meus dias. Já sentia falta disto e mais que isso já o merecia. O tempo fez o seu trabalho. Tudo foi inesperado, tudo aconteceu sem sequer darmos por isso. Quando nos apercebemos já lá estávamos. A vontade de estar, falar, trocar ideias e opiniões cresce de dia para dia. Sentir o tal friozinho na barriga, tremer quando o telemóvel toca, rir sozinha sem motivo aparente, eram coisas que já não me lembrava de sentir faz tempo. Pode não ser nada, pode até ser, mas agora tudo importa menos pensar nisso.   

 

 

 


publicado por Pinky às 12:14
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Quarta-feira, 27 de Janeiro de 2010

A Vida Pode Ser Mais Curta Do Que Imaginamos

http://www.acores.net/images/blogger/17821_1151511384.jpg

 

É com acontecimentos menos bons, que por vezes paramos para pensar no que cá andamos a fazer. No sentido que damos à vida e em tudo aquilo que fazemos. Preocupamo-nos demasiado com coisas sem importância e perdemos demasiado tempo com futilidades. O tempo vai passando e um dia podemos não estar por cá para olhar para trás e ver que podíamos ter feito as coisas de maneira diferente.

 

É preciso aprender que as coisas não acontecem só aos outros e que não somos intocáveis nem tão pouco heróis de filmes de aventura. É por norma nestas alturas, em que algo de menos bom acontece à nossa volta que nos lembramos que temos de mudar, passar a dar mais valor a determinadas coisas e fazer muita coisa de maneira diferente.

 

O problema é que depressa nos esquecemos disso e voltamos à nossa rotina, até acontecer algo de menos bom novamente.

 

 

 


publicado por Pinky às 00:18
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|
Terça-feira, 29 de Dezembro de 2009

2009 - O Ano De Crescimento

http://3.bp.blogspot.com/_-gOeD83lOWE/RxJ_4cQ91_I/AAAAAAAAAtc/4pwZCzAnjQM/s400/livro1.jpg

 

Este ano,  que está a acabar foi sem dúvida um ano de viragem e mudança. Há quem diga que a melhor palavra que o define é  "CRESCIMENTO", eu não posso estar mais de acordo. Foi um ano de grandes decisões que nem sempre foram fáceis de tomar e de aguentar. Feito de ilusões e desilusões, encontros e desencontros, amores e desamores. Com tudo isso sou a pessoa que sou hoje. E acredito que tinha de passar por tudo isto para despertar para a vida e conseguir estar desta forma. Nada é por acaso já dizia a C..

 

Este ano fez-me aprender a viver mais com os pés na terra, deixar o mundo encantado um pouco de lado e perceber que a vida nem sempre é cor -de -rosa. Devido às situações que vivi e presenciei, sei agora realmente o que quero e o que não quero. Chega de andar a viver aquilo que não é meu, o que não me pertence, chega de andar a dar passos para trás, quando o objectivo é andar para a frente. Aprendi a viver um dia de cada vez. O meu EU está, agora, bem definido. E o que vier será apenas o melhor, porque só o melhor vou deixar entrar.

 

Foi um ano importante a nível profissional. Abracei um novo desafio que em grande parte é culpado deste meu crescimento. A minha relação com os outros teve e tem muito a ganhar com isso. Sou hoje uma pessoa mais madura, atenta e crescida!

 

Este ano é feito também de pessoas especiais. Umas que conheci e outras que reapareceram no meu caminho. Guardo recordações de momentos  com muita saudade. Se a saudade existe é porque tudo o que fiz valeu bem a pena.

 

O ano está a acabar em beleza, com perspectivas e ambição de começar melhor ainda. Tudo vou fazer para assim continuar. Uma etapa chegou ao fim e o meu livro está pronto  para começar uma nova história!

 

Estou orgulhosa de mim, e como alguém diz "isso me envaidece"

 

 

 


publicado por Pinky às 10:21
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Quarta-feira, 16 de Dezembro de 2009

Quem Disse Que Era Mau?

 

 

Depois de um relacionamento falhado, que pelo meio teve algumas tentativas de melhoramento (que de nada valeram), estou sozinha! Lá está, quando não tem que dar, de nada adianta tentar! Pensei que com o terminar desta relação, me fosse sentir desanparada e um pouco perdida no tempo. Enganei-me felizmente!

 

Passado todo este tempo, posso dizer que estou numa fase positiva. Afinal não é tão mau estar sozinha como dizem! Acho que até já o estava antes, apenas não me tinha apercebido.


O sentimento de liberdade que sinto neste momento faz-me sentir bem comigo mesma, faz-me andar de sorriso no rosto, faz-me fazer os outros rir com as minhas parvoices, faz-me pensar em mim e naquilo que realmente quero e é importante, faz-me fazer planos, faz-me viajar no tempo e sonhar sonhar sonhar!


 

É bom sim, mas tudo o que é em exagero enjoa!

 

Tudo a seu tempo!

 

 

 


publicado por Pinky às 10:44
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|
Quarta-feira, 9 de Dezembro de 2009

É Fácil Deixar Uma Criança Feliz

 

Decidi pegar no telefone, fazer passar-me por Pai Natal e perguntar ao meu afilhado o que ele desejava para este natal. A mãe colaborou nesta história e quando o chama para vir ao telefone ouço lá do outro lado: " O pai natal mãe???" Ele ao mesmo tempo ficou surpreso e contente por estar a falar com o senhor das barbas brancas! Mas isso pouco tempo demorou...assim que perguntei o que ele queria, nem queiram saber a lista enorme que me deu! Tantas eram as coisas que perdi o fio à meada!  Devo dizer que fiz um esforço imenso para não me descair!

 

Abreviada, a conversa deu nisto:

 

 - Olá Gonçalo!

 - Olá Pai Natal!

 - O Gonçalo tem sido um menino bem comportado?

 - siiiiimmmmmm Pai Natal!!

 - Estou a ligar-te para saber que prenda queres receber este Natal!

 - (nem vou mencionar, porque eram tantas coisas, algumas que nem o nome sei!!!)

 - Mas Gonçalo, o Pai Natal tem muitos meninos e meninas para dar prendas, tens que escolher apenas uma!

 - Oh pai Natal, não podem ser antes duas?!!!!!!!!!!

 

O Gonçalo lá disse e a madrinha Pai Natal registou!

 

 - Adeus Gonçalo!

 - Adeus Pai Natal!

 

Quando passa o telefone à mãe, ouço mais uma vez do outro lado: "ehhh falei com o Pai Natal ao telefone"!!!

 

Hoje no infantário deve andar a contar aos colegas que  falou com o Pai Natal ao telefone!! :)

 

É fácil fazer uma criança feliz!

 


publicado por Pinky às 12:16
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Outubro de 2009

Eu Não Vou E Vocês?

 

Os bilhetes para o concerto mais esperado do ano de 2010 esgotaram em apenas 4 horas! Lá se foi a esperança de poder estar presente nesse grande concerto... E eu que queria tanto. Será que anda por aí alguma alma caridosa que queira dispensar o seu bilhete para deixar aqui a menina feliz e contente?!?

 

Resta-me esperar...

 

 

 

 

sinto-me:

publicado por Pinky às 09:37
link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Outubro de 2009

Quero, Quero, Quero

 

 

Quero um amor sincero, terno, apaixonado, completo e incondicional…Um amor que me faça sentir importante! Quero um amor que me valorize. Quero um amor sem orgulhos parvos. Quero um amor sem mentiras. Quero um amor de momentos, momentos de amor, de brincadeiras, de caminhar de mão dada, de gargalhadas, de confidências, de aventuras, de dedicação, de cumplicidade, de compreensão, de paixão, de loucuras… quero um amor que transforme em realidade todos os meus sonhos… quero um amor que me faça andar todos os dias com um sorriso nos lábios. Quero um amor para todas a horas…

 

Quero, quero, quero!

 

 

sinto-me:

publicado por Pinky às 09:23
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|
Quarta-feira, 23 de Setembro de 2009

Sem Titulo

 

 

É assim que estou e me sinto, sem título. Não sei se estou bem, se estou mal, vou estando. Faltas-me tu para preencher este vazio que existe. Dormi mal, adormeci, cheguei atrasada ao trabalho e acordei de mau humor! Mas como um dia me disseste, posso lutar contra tudo, menos contra a tua vontade. A partir de hoje, aqui a menina vai andar caladinha que nem rato! Pois é bebé…

 

É espaço que queres, é espaço que vais ter.

É tempo que queres, é tempo que vais ter.

Não queres pressões, não vais ter pressões.

Um dia quando deixares de querer tudo isto, já pode ser tarde…

 

 

O tempo o dirá

 

 

 

sinto-me:

publicado por Pinky às 08:57
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Setembro de 2009

Tudo A Seu Tempo

 

Dizes-me “tudo a seu tempo”. Não percebo porquê ou então prefiro não tentar perceber, porque é mais difícil aceitar. O que sei é que me custa estar longe de ti sabendo aquilo que nos une. Sim, nem precisas de dizer que estou enganada. Essas coisas sentem-se quando nos amamos, quando nos beijamos, quando nos abraçamos, quando nos olhamos, quando sorrimos um para o outro. A tua ausência provoca em mim um vazio que me deixa por vezes à deriva sem saber por onde navegar. Lembro-me como se fosse hoje de todos os momentos, palavrinhas trocadas, olhares, carinhos, brincadeiras, tudo, tudo me vem à cabeça. E pergunto-me o que fazemos longe um do outro. Tas longe mas sinto-te perto, não tão perto quando desejaria, mas tudo a seu tempo! Certo?

 

Sinto o teu cheiro em mim, sinto o teu toque ainda na minha pele, o sabor do teu beijo, a tua cara, aquele teu jeito não me sai da cabeça… Se soubesses como custa por vezes a tua indiferença, justificas-te como estando a procurar o teu próprio espaço para pores as ideias em ordem. Compreendo, aceito, mas custa. Porra Porra se custa!

 
 
Estou aqui! Aliás sempre tive, não sabia era disso.
 
 

publicado por Pinky às 14:26
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|

ABC da Sedução

 

Este foi o filme escolhido para o serão de ontem à noite! Servido em boa companhia, pipocas e bebida a acompanhar! Um filme agradável e com muitas gargalhadas à mistura. Um tipo machista, que se acha senhor da razão sobre as leis da sedução, que o amor não existe, que relações boas são coisas de mulheres e só mesmo em  sonhos! Mas tudo isto desaparece quando encontra a tal! A mulher que lhe mostra que afinal o amor até existe e finalmente se sente apaixonado!

 

Passámos mais um momento daqueles que me  acelera o coração e me faz aumentar o friozinho na barriga. Aqueles que me fazem deitar na cama com um grande sorriso nos lábios e saber que vale a pena! É bom ter-te por perto!

 

 

P.S - Podia Viver Sem Ti, Podia, Mas não era a mesma coisa! :)

 

 


publicado por Pinky às 08:12
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Segunda-feira, 7 de Setembro de 2009

Foi Assim...

 

Uma noite como tantas outras, saí com a melhor amiga para a festa da terrinha. Antes disso, houve paragem para um cafézinho. Lá estavas tu! Ao fundo, de t-shirt azul escura de costas para mim. Entrei e escolhi um lugar para me sentar. Estavas longe de imaginar de me ver ali! O meu coração apertou e a pulsação aumentou a um ritmo considerável, eras tu que subias aquelas escadas em direcção a mim. Envergonhado e sem jeito, cumprimentaste os presentes incluindo eu. Mal me encaraste e não me lembro sequer de me teres olhado nos olhos. Ganhei coragem e meti conversa contigo e recebi em troca aquele sorriso que só tu sabes dar. Entre sorrisos e olhares tímidos fomos inventando o que falar e acabas-te por sair connosco. A festinha estava à nossa espera, uns DJ's passavam um som agradável e as pessoas alegres iam dançando ao som da música. Nós não éramos excepção! Confesso que já tinha saudades desse teu jeito de dançar, de falar, de sorrir, desse teu jeito de me olhar, que consegue ver tanto sem eu muito dizer! Foi bom ver-te! Foi bom voltar a sentir aquele friozinho na barriga, mas foi ainda melhor sentir-te bem pertinho de mim! Foi uma noite de emoções fortes e que me fizeram viajar no tempo. Gostei da viagem! ;)

 

 

A vida dá voltas que não esperamos!

Mas sabem uma coisa?

Ainda bem!

 

 

 

sinto-me:

publicado por Pinky às 08:30
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Terça-feira, 18 de Agosto de 2009

Pode Acontecer...

 

 

 

Tento pensar que na vida não há certezas mas sim tentativas e oportunidades, que tudo depende das decisões que tomamos e nas alturas em que as tomamos.

 

Acredito que não devemos deixar de aproveitar tudo o que a vida nos tem para oferecer, simplesmente pelo medo de falhar, de não conseguir e de passar por uma nova desilusão. Costumam dizer que o "NÃO" temos sempre como garantido, porque não fazer com que o "SIM" aconteça!

 

Gostava de um dia poder dizer que valeu a pena e que nada foi em vão.

 

Pode ser que sim pode ser que não.

 

Mas pode acontecer!!! ;)

 

 


publicado por Pinky às 10:44
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 32 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.mais comentados

21 comentários
12 comentários
10 comentários
9 comentários
6 comentários

.arquivos

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Chorei Por Ti

. 2009 - O Ano De Crescimen...

. Desde Que Partiste...

. Ninguém O Vê Mas Todos O ...

. Hoje, Mais Do Que Ontem.....

. Simplesmente Porque Sim

. o teu "sim" tremido

.links

.arquivos

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

SAPO Blogs

.subscrever feeds